Região:

min

max

Anuncie aqui

Diretoria do Paulista divulga carta aberta sobre eliminação na Segundona e planos para o futuro

Galo de Jundiaí vive pior fase da sua história com mais um ano de fracasso na última divisão estadual, dívidas e risco de leilão do seu estádio

Por Redação
(Atualizado em 09/08/2022 - 23h41)
Compartilhar

A diretoria do Paulista utilizou as redes sociais para divulgar uma carta aberta aos torcedores do clube após mais uma eliminação precoce na Segundona do campeonato estadual. O Galo de Jundiaí chegou à última rodada da segunda fase com chances de avançar às quartas de final, mas acabou derrotado pelo Penapolense e se despediu da competição.

A carta assinada pelo presidente Rodrigo Alves destaca diversos pontos, como a dificuldade da competição e avalia a campanha de forma positiva.

“A ‘Bezinha’ é um campeonato muito difícil. São 36 clubes para apenas dois acessos (apenas 6% dos participantes terão sucesso). Dessa forma, 34 clubes sofrem o fracasso do não acesso. Terminamos na 10ª posição. Claro que gostaríamos de ter feito uma melhor campanha e obtido o sucesso de acesso, mas dentro da realidade atual do clube, foi feito um bom campeonato”, frisa a carta.

Alves também destaca a intenção de manter o técnico Roberval Davino no clube, caso não seja possível no cargo de treinador, em outra função do departamento de futebol. No que se refere aos jogadores, a diretoria ainda definirá quem segue e quem será liberado pelo clube.

Jayme Cintra

Devido a inúmeras dívidas trabalhistas, o estádio Jayme Cintra é alvo de processos de penhora e já chegou a ser colocado inclusive para leilão em algumas oportunidades. A diretoria diz que o departamento jurídico do clube vem trabalhando nesta questão.

Ainda sobre o estádio, Rodrigo Alves citou a necessidade de troca do gramado – que segundo ele se encontra em situação crítica -, o que tem custo estimado entre R$ 400 e R$ 500 mil além de três meses sem utilização.

O clube também terá de arcar com despesas para a renovação de laudos para manter a permissão de uso do espaço.

SAF à vista

A transformação do Paulista em uma Sociedade Anônima do Futebol (SAF) é um assunto que vem sendo discutido no clube desde 2021, com a aprovação da lei que regulamenta essa modalidade para as equipes do Brasil.

Na prática, o processo permitirá que o clube não tenha as contas bloqueadas e tenha maior segurança administrativa.

Segundo Rodrigo Alves, a transformação do Paulista em SAF é vista como “uma oportunidade” que ainda necessita de um investidor para ser viabilizada. De acordo com o presidente, a diretoria tem as dívidas do clube mapeadas e o levantamento do valor necessário a ser investido, além do prazo de retorno para o investidor.

Veja abaixo na íntegra a carta divulgada pela diretoria do Paulista:

 

CARTA ABERTA AO TORCEDOR

Eu, Rodrigo Peterneli Alves, Presidente do Paulista F.C., venho por meio desta carta informar ao torcedor os próximos passos do clube.

ROBERVAL DAVINO

O Roberval Davino, além de excelente profissional, é um mestre do futebol. Faremos o possível para que ele permaneça no clube como técnico ou em outra função relacionada ao Dpto de Futebol. Essa missão não será nada fácil pois sabemos que ele é muito requisitado e procurado por outros clubes.

DE IMEDIATO

Definir o futuro dos atletas do profissional – quais seguirão nas pretensões do clube e quais serão liberados

Outra demanda é a necessidade de renovação dos Laudos do Estádio: AVCB e Vigilância Sanitária – ambos estão em andamento e eventuais exigências de adequações podem demandar custos que o Paulista precisará absorver.

A situação do gramado do Jayme Cintra é crítica. O gramado precisa ser trocado e o investimento necessário gira em torno de R$ 400 mil a R$ 500 mil. A troca do gramado exige pelo menos três meses sem a prática do futebol, por isso ela só pode ser realizada nos momentos em que não há previsão de treinos e jogos no estádio.

SOBRE O CAMPEONATO

A Bezinha é um campeonato muito difícil. São 36 clubes para apenas 02 acessos (apenas 6% dos participantes terão sucesso). Dessa forma, 34 clubes sofrem o fracasso do não acesso. Terminamos na 10ª posição. Claro que gostaríamos de ter feito uma melhor campanha e obtido o sucesso de acesso, mas dentro da realidade atual do clube, foi feito um bom campeonato.

Sempre que o Paulista F.C disputar a bezinha e as demais divisões inferiores ele será o clube protagonista e haverá a pressão e motivação para o acesso, mas sabendo da realidade do clube e o momento de reestruturação, temos que preparar os alicerces (categorias de base e estrutura) primeiro, para quando sairmos dessas divisões nunca mais voltar e isso requer muito trabalho e paciência.

CATEGORIAS DE BASE E OS PRÓXIMOS CALENDÁRIOS

O Paulista F.C segue com as categorias de base a todo vapor desde o sub 11 até o sub 20, com treinamentos diários e disputando amistosos. O clube estuda a participação na Copa Ouro – Sub 20 (outubro a dezembro) e Copa São Paulo Jr 2023 (Janeiro).

DEMANDAS JURÍDICAS

O Estádio Jaime Cintra possui muitas penhoras, que podem levar o estádio a leilão. Alguns processos estão em movimentação e o corpo jurídico vem trabalhando na defesa do Paulista.

É necessário planejar o pagamento das dívidas.

SAF

A SAF é uma oportunidade. Temos o mapeamento de todas as dívidas e ativos do clube e uma tese de investimento que mostra o montante necessário para ser investido e qual é o prazo de retorno para o investidor. Estamos na busca desse parceiro/investidor.

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

O mandato atual dos Conselheiros vence em agosto de 2022. Um novo grupo de conselheiros deve surgir e acredito que com isso o clube terá novas pessoas fiscalizando, apoiando e se engajando mais nas demandas do clube.

PRESTAÇÃO DE CONTAS

A Diretoria executiva preza pela transparência e credibilidade.

O Balanço do clube já foi apresentado e aprovado pelo Conselho.

Caso algum sócio contribuinte tenha curiosidade em analisar contratos, despesas, receitas e outros documentos, podemos agendar horário para isso. Será necessário assinar um acordo de confidencialidade / termo de responsabilidade e serão protegidos os dados sensíveis previstos em lei, como a LGPD. Como é de conhecimento público, o Conselho tem acesso à documentação completa.

NÃO É SÓ FUTEBOL

Como demonstrei acima, a necessidade imediata do Paulista vai muito além do futebol profissional. Precisamos continuar reforçando as categorias de base para futuramente termos condições de revelar bons jogadores que tragam vitórias, títulos e recursos ao Paulista. O trabalho é de médio para longo prazo, foi a prioridade no início da minha gestão e continua em andamento.

Também precisamos solucionar o problema das dívidas e as questões estruturais do estádio para que o Paulista volte a ter condições de crescer.

Mais do que nunca, o Paulista precisa de pessoas que queiram e possam ajudar com ideias, recursos, produtos e/ou serviços. As portas do Jayme Cintra estão e continuarão abertas ao torcedor que quiser participar do trabalho de reconstrução do Paulista.

AGRADECIMENTO

Agradecemos a todos os colaboradores, apoiadores, patrocinadores, torcedores, profissionais da imprensa e todos aqueles que de alguma forma contribuem para a sobrevivência do nosso Paulista F.C. A luta é árdua e continua. São 113 anos de vida e precisamos da união, dedicação e trabalho de todos para que possamos viver novamente momentos felizes com o nosso Galo!

Os comentários estão desativados.